Fábulas Infantis

A Fábula do Patinho Feio


    Há muito, muito tempo, num lago onde todos os animais da floresta viviam felizes, existia um patinho que era diferente dos outros. Os outros patinhos eram bonitos e elegantes, mas ele achava que era desajeitado e feio. Todos viviam fazendo piadas, chamando-o de “Patinho Feio”. Isso o fazia se sentir muito triste e sozinho.

    Um dia, o Patinho Feio decidiu dar um passeio sozinho. Ele queria fugir de todas as risadas e dos apelidos. Enquanto nadava tristemente, ele viu um grupo de aves grandes e majestosas na beira do lago. Eles eram cisnes, os pássaros mais bonitos que ele já tinha visto.

    O Patinho Feio ficou com medo de se aproximar deles, porque achava que iriam rir dele também. Mas, para sua surpresa, um dos cisnes se aproximou e disse:

-“Olá, você é novo por aqui?”.

    O Patinho Feio gaguejou e respondeu:

– “Sim, eu sou… mas vocês não vão rir de mim?”.

    O cisne sorriu gentilmente e disse:

-“Claro que não, estamos felizes em conhecê-lo”. Os outros cisnes também acenaram amigavelmente.

    Quando o Patinho Feio viu sua própria imagem refletida na água, ele ficou chocado. Ele não era mais desajeitado e feio; ele havia se transformado em um cisne lindo, tão elegante quanto seus novos amigos.

Moral da história:

    A história nos ensina que a verdadeira beleza está dentro de nós. Não importa como parecemos por fora, o que realmente importa é como somos por dentro. O Patinho Feio, que se sentia tão diferente e feio, descobriu que era especial e bonito de sua própria maneira. A amizade e a aceitação dos cisnes mostraram que o que há no coração é o que realmente importa.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *